terça-feira, 1 de março de 2011

Bolo de Agrião

Já ha um par de anos eu tinha visto a sugestão deste bolo que, confesso, me deixou MUUITO, mas muito curiosa.
No início era uma receita restrita quase que exclusivamente aos blogs vegetarianos.
Mas, com o tempo, vi que outras pessoas se arriscaram a provar, apesar do inéditismo da coisa.
Mas eu continuava resistindo.
Talvez por falta do ingrediente que tem, mas não se acha lá na Italia.
E depois, estando por aqui também, por um tantinho de preguiça...rss
Porque eu amo agrião, mas acho uma verdurinha meio chata de se lidar.
Dai, outro dia eu fui na feira e comprei um belo maço grande e bem fresquinho.
Respirei fundo e me atraquei com ele na cozinha, selecionando e lavando tudo.
Rendeu bastante, apesar de eu ter dispensado os galhões mais grossos que, sem sombra de dúvida, eu podia também ter aproveitado: mas lembrem que eu falei da "preguiça",ok?
E resolvi separar uma parte, equivalente a um prato fundo para, FINALMENTE, fazer este bolo.
E me acreditem: apesar da curiosidade eu não punha fé...
Só me animei mais quando li uma declaração de uma fã dele, que disse que as suas crianças adoram: como assim?!...
Então pus as mãos à obra e, sem achar a receita que tinha pego em um blog vegano, usei a minha mesmo.
E, pessoal: ficou ótimo o danado!!
A cor é assim... verde. Mas a textura e o gosto são excepcionais.
Então...


BOLO DE AGRIÃO

1 bom punhado de agrião: folhas e galhos tenros
1/2 copo de oleo ou azeite de oliva
1/2 copo de leite
2/3 copo de açucar
1 ovo grande
1 e 1/2 copos de farinha de trigo
1 colher de sopa rasa de fermento para bolo

Bater os ingredientes liquidos junto com o agrião no liquidificador, até ficar bem homogeneo e reservar.
Bater bem à mao o ovo com o açucar ou, preferindo, usar uma batedeira.
E misturar estes dois compostos, acrescentando a farinha aos poucos, sem deixar de bater.
Por último se acrescenta o fermento, misturando bem.
Eu não gosto de farinha que já vem com fermento: mas vejam voces o que acham melhor, ok?
Colocar a massa em forma untada e levar uns 25 minutos em forno pré aquecido a 180°C até dourar, testando com o palito.
Se preferir, cubra o bolo ao seu gosto. Eu, neste caso, espalmei com uma pasta de morangos caseira, que o Gianluca tinha feito e congelado.
E voces me desculpem se o meu bolo ficou meio assim com uma cara de torta de espinafre coberta com massa de tomate, ok?....rss
Pois o que importa é que ele ficou realmente bom!

O resultao deste bolo é surpreendente: fica bem macio e muito saboroso, apesar do ingrediente insólito.
Vale provar!

4 comentários:

Nela disse...

Olá Clau!k belo bolo amiga!tem um óptimo aspecto, eu faço mto agrião, em sopa salada etc,cá em casa adoramos.Cá se encontra tanto já em saco e arranjados, como em molho,dá mais trabalho, pq em saco é chegar, lavar e já está, mas eu utilizo mais em molho. Adorei a sua receita e tb o aspecto, vou tirar a receita para depois experimentar.espero k os seus meninos de quatro pernas estejam bons, bjsss.

clau disse...

Pois é Nela, agrião é muito gostoso!
E da para provar que não só em salgados e saladas.
Experimente sim que vc vai gostar!
Minhas duas quatro patas estão bem, obrigada.
Um dia coloco fotos novas, delas, para vcs verem.
A Agatha, que esta só com 7 meses, cresceu e esta arteira que só!...
Bjs!

cronicas gulosas disse...

agriao doce é a priimeira vez q vejo...mas a cara estã tao boa, q vou experimentar. abs!

clau disse...

Ola Sr.CG!
Se o seu lado guloso achar que este bolo é bom, dai a coisa estaria realmente confirmada!
E me desculpe ter respondido só agora os seus comentários, mas estava viajando, em transito entre Roma-Frankfurt-SP...
Abçs!