sexta-feira, 24 de outubro de 2008

Falando de peras e maças

Nesta foto se pode ver a que, para mim e mais um monte de gente fanatica, é a maça mais saborosa do mundo: a Pink Lady.
Estas eu trouxe diretamente de uma plantaçao delas ali no Tirol e estavam fresquissimas.
Mas devo dizer que, assim como a Fuji, ela dura tantissimo e mantém o seu sabor e textura por um longo, digo longo mm, periodo.
E é crocante e sucosa, sempre: nao decepciona a gente nem qdo esta "velhinha", ali na fruteira.
Gente, estou falando de coisa de mais de mes. E que me lembre passou de dois, com certeza.
Pq carregamos um estoque enorme e comemos, sem nos decepcionar, até a ultima delas.
E olha que nao estiveram na geladeira, em nenhum momento!
E mm sendo dificil de entender como é possivel, é uma fruta que nao deixa a gente sò satisfeita, ou contente, nao: da prazer...!
Digo isto pq nao tem como descrever: precisa experimentar.
Assim se comprova que nao é que eu estou exagerando ou mesmo delirando, ok?
Sim... de maças existe uma variedade incrivel, é verdade. Mas a grande maioria é super boa, boa ou satisfatoria que seja, apenas até um pouco depois de terem sido colhidas.
Pouquissimas delas resistem por um razoavel periodo de tempo e, neste caso, devemos dar um crédito para a Fuji e a Gran Smith que tb sao muito saborosas. E, com permissao, até mm a manjadissima Gala, que termina perdendo o seu gosto e parte da textura sim, mas va la...tb dura um tempao!
O que me deixa frustada, devo admitir, sao aquelas que ontem eram boas e hoje estao farinhentas: tipo, por exemplo, a Starck. Pq faz parte das maças que se vc marcar bobeira, perde aquele unico instante em que elas estariam perfeitas...
Uma maça assim, devia vir com aquele trocinho, igual ao peru da Sadia, que avisa a gente que a coisa esta pronta, senao...
Pq penso que isto se relaciona e me recorda uma época , qdo era bem garotinha, que todas as maças eram importadas e vinham envoltas em um papel de seda azul: misteriosas, belas e... farinhentas. Sem exceçao.
Dai eu decidi, aos 3 anos de idade, que so gostava de peras e me esqueci delas por anos e anos a fio: a decepçao tinha sido MUITO grande.
E foi assim até que um dia, ja na faculdade, tive o prazer de morder uma maça Fuji vinda diretamente ali de Santa Catarina. E fiquei pasma... sem entender o suco que me escorria pelo queixo, pq : o que era aquilo...?! Que maravilha...!
Ai é que me caiu a ficha e eu entendi que até aquelas maças hungaras, que vinham em um navio frigorifico envoltas em seda azul, tb elas um dia deviam ter sido maravilhosas, correspondendo ao entusiasmo que a literatura lhes dedicava!
E se ve!...
Pq qdo é epoca da colheita da Pink Lady, se um nao é esperto, se termina por ficar sem ela. Pq simplemente ela SOME do mercado, assim como se fosse dia de uma super liquidaçao de fim de estoque.
E para a tristeza dos retardatarios, que depois tem que contentar com as outras variedades que sobram, e ficar na saudade...
Obvio que até a Gala, por aqui, tem um sabor especial e é muito boa e esforçada, até.
Mas a Pink Lady é UNICA: me acreditem.
Apesar de praticamente nao se conseguir ve-la no mercado interno, o Brasil é um de seus produtores (em quantidades meio que modestas, mas é) e a exporta inclusive aqui para a Europa.
Mas esta maça è uma criaçao desenvolvida ali na Australia, utilizando duas outras variedades, que eu nao me lembro agora, mas que quem estiver curioso e quizer se informar, basta dar um pulinho la no Google, por exemplo.
Como tb disse que falaria de peras, aquela outra "maça", a amarelinha, é na verdade uma pera: a Nashi.
De origem asiatica, tem uma textura diferente e um gosto delicado.
Posso dizer que é interessante sim, mas nao é que se diga "oh!" ou alguma coisa do genero.
E dentro do meu enfoque aqui, gera mais curiosidade que prazer. Hihihi.
Muitos que frequentam o bairro da Liberdade, ali em Sao Paulo, podem ja te-la visto e, levados eles tb pela curiosidade, terem até experimentado uma.
Mas me perdoem os entusiastas dela que, da minha parte, merece sò um paragrafo.
Vai...!
Os meus paragrafos tem o seu numero proporcional ao qto sou fanatica pela fruta à qual dedico minha exaltaçao toda...
Entao estamos combinados: Pink Lady.
Lembre-se deste nome!
Pq nao se pode morrer sem ter ao menos experimentado uma.

PS:Informaçoes compiladas da publicaçao"Ciencia Rural"da Universidade Federal de Santa Maria, no Rio Grande do Sul/Brasil, em maio/junho de 2005, pelos pesquizadores: Brackmann, Guarienti, Saquet, Giehl e Sestari.
"Variedade desenvolvida na decada de 70, na Australia, do cruzamento da Golden Delicious com a Lady Willians.
Fruto saboroso, sucoso e de polpa firme, com um altissimo potencial de armazenamento, em condiçoes ideais e fora de frigorificos, pode chegar a ficar estocado por até 8 meses.
O seu plantio se extendeu pelo mundo apenas recentemente, nestes ultimos anos.
E de todas as maças exportadas pelo Brasil, por exemplo, ela representa sò 5%."

10 comentários:

Fábio Adiron disse...

Vou contar para a Letícia, a turma dela na escola são as Pink Girls..

Nela disse...

Clau, que lindo que escreve mesmo, sabe o meu bolo e como gosta tanto de maçã, em vez de cenoura pode ralar uma ou mesmo duas maçãs e pôr, fica super gostoso, eu já fiz com maçã reineta e adorei.Sabe também adoro fruta e então essa que dura e dura, porque não é obrigada a crescer rápidamente, melhor ainda. A minha filha adora uma qualidade de macã que é verde , que eu agora nem sei o nome, só ela as come, agora pêras, e resto de qualidade de maça adoramos,amiga boa semana beijinho.

Dri Viaro disse...

Olá, teha uma otima semana
bjs

clau disse...

Boa semana a vcs todos!

Fabio: o pink, para as garotinhas, é tudo de bom, mm! E para "nòs", nada melhor que a Pink Lady, hihihi!

Nela:
Sugestao anotada: valeu!

Dri:
Obrigada por escrever, viu?...

Bjs!

Marcele Martins disse...

Ai comadre, que luxo!
"Colhi ali do Tirol..."

Delícia total!
Beijo!

clau disse...

Oi Marcele!
...realmente parece snob falar assim...
Mas è que por aqui é normal e aconteceu de fato. E eu nem pensei que poderia ter esta conotaçao!
Tb colho muita maça na beira da estrada, aqui por perto de casa, ok?
Valeu: bjs!

AndreaDomingas disse...

Oi Clau,
Gostei do seu post sobre maçãs! Andei ocupada com elas, pois ganhei muitos kilos de uma conhecida. Não conheço a Pink Lady, mas também, pelo que sei há cerca de 25.000 espécies conhecidas de maçãs. As mais comuns aqui onde moro são a Gala, Granny Smith, Red Delicious, Golden Delicious, Elstar, Jonagold e Boskop. Esta última, a melhor para fazer tortas. Bem, vou ficar de olho na Pink Lady. Talvez seja mais fácil de encontrá-las na feira.
Bjs

clau disse...

Ola Andrea!
Espero que vc a encontre, sim, pq nao é facil nao...
E, se vc perceber, coloquei um adendo no post com os dados mais técnicos sobre ela.
Nao deixe de dar uma espiadinha, ok? Pq diz, tb,de quais variedades ela é oriunda.
E no caso de "desespero" a gente até pode tentar fazer uma arvore para a gente no quintal de casa!
Bjs!

AndreaDomingas disse...

Oi Clau!
Estou de volta para dizer que encontrei a Pink Lady, eeeehhh! :D Ainda não experiemtei. Vai ficar para o brunch de domingo.
Bjs

clau disse...

Andrea:

Mas, que bom!
Vc vai ver o qto ela é boa e, se conseguir, o qto dura esta maça na fruteira...!!
Sempre gostosa igual, claro!
Bjs!